Global Risks Report | Fórum Económico Mundial

Fracasso da acção climática, clima extremo, perda da biodiversidade.

Com a chegada de 2022, entramos naquele que é o terceiro ano de pandemia. De acordo com o Global Risks Report, os riscos climáticos dominam neste momento todas as preocupações a nível global. A longo prazo, os principais riscos identificados pelo relatório que todos os anos é elaborado pelo Global Risks Advisory Board do Fórum Económico Mundial estão relacionados com o clima, e sobretudo com o fracasso da ação climática na próxima década. Ao mesmo tempo, as principais preocupações a curto prazo incluem clivagens sociais, crises de subsistência e deterioração da saúde mental.

Adicionalmente, a maioria dos especialistas acredita que uma recuperação económica mundial será volátil e desigual ao longo dos próximos três anos. A análise é realizada em parceria com a Marsh McLennan, SK Group e Zurich Insurance Group, Oxford Martin School (Universidade de Oxford), da Universidade Nacional de Singapura e do Wharton Risk Management and Decision Processes Center (Universidade da Pensilvânia).

No entanto, no relatório deste ano o principal risco identificado pelos líderes portugueses é a prolongada estagnação económica, seguida de crises da dívida e crises de empregabilidade. Ou seja, se em quase todo o mundo a sustentabilidade, e eventuais crises climáticas são uma das principais preocupações, em Portugal estes riscos nem entram no top cinco para os próximos anos.

O que realmente preocupa os líderes portugueses é a prolongada estagnação económica, as crises de dívida em grandes economias, o emprego e as crises de subsistência, a desigualdade digital e o colapso ou falta de sistemas de segurança social.

Aceda ao relatório completo disponibilizado em anexo.

13/01/2022

Fonte: Capital Verde by ECO

Usamos cookies para melhorar a navegação dos nossos visitantes. Ao fechar esta mensagem aceita a nossa política de privacidade

fechar